Cosmonauta

30 03 2006
[atualidade]

Comemorando o lançamento do primeiro brasileiro que literamente foi para o espaço, vai uma marchinha de carnaval:

O Brasil vai lançar foguete Cuba também vai lançar Lança Cuba Lança Quero ver Cuba Lançar

Brincadeiras a parte, estou feliz de termos nosso primeiro astronauta, ou cosmonauta como dizem os russos, mas não estou nem um pouco feliz pelo que isto está representando.

Explico: o Programa Espacial Brasileiro vinha sendo muito bom até uns anos atrás. Ele tinha opr objetivo se tornar lucrativo, lançando satélites para outros países e para empresas, ou seja, ele rumava para sua autossustentabilidade. Tinhamos uma base de lançamento, um projeto de VLS (veículo lançador de satélites), que a pesar de ter fracassado algumas vezes, estava em desenvolvimento contínuo e fazendo testes sempre.

Acontece que nesse país as pessoas não conseguem ver esse tipo de coisa. Ao invés, só viam o foguete sendo detonado (por sinal, por causa das restritas regras de segurança que o impediam de sair de um espaço aéreo bem delimitado), e só pensavam nisso com deboche ou descaso.

Na minha opinião foi por isso que este governo cortou verbas. Porque este lançamento do nosso cosmonauta não passa de publicidade: esperaram a poeira baixar da explosão na base de Alcântara, e resolveram fazer do Programa Espacial mais um palanque de campanha.

Para quem não sabe, em vez de ir como um tripulante de direito da ISS (Estação Espacial Internacional), nosso astrounauta está indo como turista espacial. Ele está no mesmo programa dos milhonários americanos que foram. Isto porque não cumprimos com a nossa parte do contrato de algumas janelas para a estação.

Por isso que pra mim, esta Missão Centenário é quase tanto uma vergonha quanto é um orgulho.


Hmmm...

25 03 2006
[diario]

Aproveitando este post break* para compartilhar uma reflexão que me ocorreu quando voltava da cozinha, onde eu tinha ido pra pegar um café:

Agora é, muito provavelmente, o começo da época mais intensa da minha vida.

Sim, porque no eu não quero ficar nesse ritmo para sempre. Mas também não acho que seja o mais intenso que pode ser. Acho que os próximos 5 ou 6 anos serão vão ficando cada vez pior, e a partir daí deve ser ladeira a baixo.

Bom, pelo menos este é o plano...


post break: coffee break mais curto, onde você só vai pegar o café e o trás para sua mesa, e aproveita o resto do tempo para escrever um post.


Camera, Wazowsky, Ação!

21 03 2006
[meta]

Enjoy Mike Wazowsky! Inspirado na Fish Cam do escritório do Shigesato Itoi

Tá... talvez não muita ação... mas ele está ai.


Uma pessoa sussa

18 03 2006
[diario]
De um tempo pra cá resolvi que não vou mais ser uma pessoa irritada e nevosa. Acho que já estou cercado de gente assim, mesmo porque, ser estressado parece ser um problema comum causado pelas qualidades que me interessam nas pessoas. Portanto, vou tentar mostrar a estas pessoas que eu gosto (e pra mim mesmo) que não é necessário ser bravo, estressado, nervoso, apressado, etc. para ser responsável, bom naquilo que faz, correto, etc.

Escrevi isso no meu orkut a um tempo já, talvez 1 ano, talvez mais. Na época eu acho que tinha melhorado nesse aspecto, mas talvez eu tenha tido uma recaida de lá pra cá.

No sweat! Se eu realmente consegui uma vez, consigo de novo.


Sono

18 03 2006
[estória]

Aula de Controle I... apesar de eu estar no curso de Automação e Controle, esta aula não anda me falando muita coisa. E agora o professor resolveu corrigir um exercício particularmente tedioso. Provavelmente não fossem as noites mal ou pouco dormidas das últimas semanas eu conseguirira prestar mais atenção.

Minha cabeça pende, minha letra começa a virar garranchos. Logo eu não entendo mais o que estou escrevendo. Por alguns momentos eu acordo, e resolvo que tenho de prestar mais atenção. Mas é uma proposta vazia. Meus olhos estão se fechando irremediavelmente de novo.

"Acorda! Você está na sentado na primeira fileira!" penso, mas não adianta.

Começo a sonhar...

(Continua)

Furuncia!

18 03 2006

AHÁ - e não é que funcionou? resolvi não aposentar o Widget e mexi em umas configurações, agora deu certo! Por sinal, ele se chama Blogger Widget. A partir de agora, posts que vêm do widget serão identificados por suas letras verde-escuras


114264137925644213

18 03 2006

blah!


Widgets

18 03 2006
[informática]

Aqui estou postando a partir de um programinha desenvolvido pelo Yahoo!.

Os Yahoo! Widgets são pequenos programas para a sua área de trabalho, desenvolvidos por colaboradores pelo mundo, e que rodam em cima de um motor desenvolvido pelo Yahoo!.

Apesar de serem meio novos, já existem vários na galeria do Yahoo! e provavelmente mais espalhados pela net. Eu, atualmente uso um que mostra o calendário do mês, um que mostra o conteúdo da minha agenda do Yahoo! (que por sinal é muito prática) e agora este que permite que eu escreva e mande posts para o blog sem precisar abrir o browser.

Temos a tendência de achar que o mundo da informática está se dividindo entre Google e Microsoft, mas não podemos esquecer esse gigante que tem alguns serviços muito bons, como a agenda, os grupos (dão de 10 a zero no Google Groups por enquanto) e também os jogos, que são muito legais para passar o tempo.

Atualização: Porcaria de Widget... se eu não tivesse copiado a mensagem antes de enviar, eu teria perdido o texto... Bom, não é a primeira vez que isso me acontece com ferramentas pra postar no Blogger sem ter que ir para a página. Esse Widget está aposentado... voltarei a procurar por outro.


L A G U E R R E

13 03 2006
[diario]

Meus novos vizinhos tem um aparelho de som potente e não tem medo de usá-lo. Outro dia, um sábado, eu acordo ao som da superamplificada Oração Matinal do Pastor *** (omito seu nome porque não sei quem era mesmo). Ele está, provavelmente, na sala da casa (o som), que tem uma janela bem próxima da janela do meu quarto. Quem já veio aqui em casa sabe como as janelas são a prova de som - vidro duplo com vácuo no meio.

Bom, hoje eu estou trabalhando tranquilo, ouvindo mp3 nas pobres caixinhas que a Karina me emprestou porque as minhas legais estavam "pegando radio" (...) quando percebo que estou ficando cada vez mais irritado, sem motivo aparente. Quando dou por mim, estou ouvindo, junto com minhas musicas, uma outra batida: a batida do AXÉ!

**** que pariu! de onde vem isso? Fecho as janelas do meu quarto, não adianta, a do banheiro, as da sala, quarto do Julio, cozinha! Ufa, parou, finalmente. Oração evangélica eu até aceito. Axé não dá... Mas aí minha casa começa a virar um forno: janelas a prova de som são também muito boas seguradoras de calor... o que fazer??

- Julio... chegou a hora de usar A Arma... - O que?!? - A Arma do sótão

Sem medo, puxei o alçapão do sótão. Determinado, subi as escadas com a munição na mão: "Aerosmith's Greatests Hits". Liguei o Aparelho: um quinquilhão de watts em um amplificador Hi-Fi antigo, que demora uns 3 segundos pra apagar a luzinha quando você desliga. Inseri a munição, ajustei os controles de volume para 3 de 10. As primeiras notas da guitarra começaram a soar. Não é o suficiente. Aumento para 4/10. Acho que está bom. Desço para meu quarto e abro as janelas. Desgraça, ainda ouço a maldita música! A Guerra é Horrível. 5/10 - o Julio gesticula ao longe: "Tá alto demais". "Fecha a porta do quarto, eu ainda to ouvindo axé!".

Consegui! 5/10 elimina qualquer som externo, mesmo se eu estiver no meu quarto! Vitória!

P***! P*d**! Pedro! Abaixa essa porra, vc ta exagerando!

*****! Traição nas minhas próprias trincheiras! Meu pai mandando eu abaixar! Derrota... desgraça... vergonha... AXÉ!

...

4,5/10

...

4/10

...

3,5/10

Mas o que é isso? não estou ouvindo mais o axé? Será que o inimigo não resistiu e se rendeu, e eu, intertido na batalha não percebi?

3/10

Não... ele continua lá... uma bandeira na mão....... é branca! Trégua!

Ainda ouço a música entre as minhas... Não se pode querer tudo...


Será tarde demais?

13 03 2006
[informática]

Hoje descobri que o Google está entrando na área de Editores de Texto. A empresa comprou recentemente um editor online que se chama Writely, segundo o blog Between the Lines. Por enquanto o programa não é um editor de texto tão completo para competir com o Word, mas tem umas funcionalidades legais, como ter dois usuários editando o mesmo texto ao mesmo tempo. Eu ainda não tive chance de testá-lo, porque o serviço está indisponível por causa da mudança para o sistema do Google. Logo que ele voltar eu posto um review.

Dizem por ai que isto é uma declaração de guerra aberta à Microsoft. Isto me deixa meio triste, porque quer dizer que eles realmente estão tentando domicar o mundo, e não só a informática inteira... será que estou atrasado?



Page delivered in 0.634951 seconds, 89 files included