bored out of my skull

22 02 2007
10:05 AM Estou, no exato momento na Itautec. A pessoa de quem eu preciso dados para continuar meu trabalho normal ainda não voltou de férias, e portanto o trabalho está parado. Meu chefe está em reunião, então nem encher o saco dele eu posso. Sempre que eu digo isto, me dizem: “que beleza, heim?”. Pois sim, de um lado estou ganhando para escrever este post (mais do que se eu tivesse colocado um Google Adds aqui). Por outro lado, isto está frustrando um pouco meus planos de dominação mundial, que começam por ficar rico este ano. Ok, como eu disse, não estou deixando de ganhar aqui, mas por outro lado, não ter trabalho vai me impedir de vir aqui fora do horário normal durante às aulas, o que vai diminuir meu salário pretendido no fim do mês. E agora? Acabando a reunião do meu chefe vou encher o saco dele de novo. Quem sabe ele não me passa uma tarefa.... Se ele não passar, vou pedir pra sair mais cedo... Aliás, adoro esta expressão: bored out of my skull Update: 11:13 AM Fui encher o saco do meu chefe. Ele, simpaticíssimo como sempre, me atendeu, deixou claro que não quer me passar muita coisa fora do foco do que eu estou fazendo, mas se comprometeu a me passar outra tarefa um pouco mais operacional para eu fazer um dia por semana, a partir da semana que vem. Também ficou de me passar um email com mais alguns dados para eu ter o que fazer hoje de tarde. Infelizmente alguém chutou algum fio de tomada de um servidor bem grande, e estamos sem internet, sem e-mail, sem sistemas de TI, sem nada. Portanto, acho que vou almoçar. E vou demorar pra voltar. E acho que em vez de sair mais cedo hoje, vou ver com ele se posso não vir amanhã cedo e ir no centro passear. Ou quem sabe saio mais cedo hoje e vou visitar minha convalescente namorada, caso ela não vá trabalhar. Update: 11:39 AM Putz, como esse povo é dependente de Internet. O pessoal ficou um pouco na mesa respondendo e-mails atrasados por um tempo (deixando na caixa de saída, claro), depois usaram um pouco o telefone, mas agora ta todo mundo no café : )

Long Time No Post

21 02 2007
Estou gostando do meu novo estágio, e novo namoro (apesar de parecer que namoro desde sempre com a Dê), mas tem algumas coisas que ainda precisam de ajustes nessa nova rotina. Primeira: poucos filmes no cinema. Perdi alguns, e quero voltar a um ritmo mais intenso. Segunda: pouco tempo próprio na frente do PC. Isso pode parecer bom, principalmente para quem passa o dia inteiro na frente do computador do trabalho, mas o fato é que eu não ficava muito de bobeira na frente do computador (é sério!). Resultado do tempo menor: menos posts. E agora que tenho dois blogs para cuidar... Mas semana que vem começam as aulas, as férias da Dê acabaram, não tem mais feriados, então a rotina se estabelecerá corretamente.

Batatas

10 02 2007
Hoje acho que acertei a rotina que terei pelo resto do mês pela próxima semana. Fui dormir cedo (meia noite e meia, mais ou menos) e acordei às 6 da manhã. Preciso sair às 8 horas de casa para chegar no horário no trabalho. Acordar às 6 me dá tempo para enrolar na cama bastante, tomar meu banho e fazer a barba, ler emails ou o jornal, tomar café e ainda chegar a tempo para trampar. Mas hoje é sexta-feira, e então resolvi me rebelar um pouquinho e não ir de paletó e gravata. Por via das dúvidas (e ainda bem) levei minha gravata na pasta. Mas é uma sensação estranha, depois de 4 dias indo trabalhar de terno e gravata sair pelo mesmo caminho com o último botão da camisa aberto e sem o peso do paletó nas costas... eu sentia como se tivesse esquecido de pôr o cinto, ou as meias. Verifiquei que estava com todas as peças necessárias de vestuário e continuei indo. Fui distraído novamente dos meus pensamentos matinais por um par de batatas-da-perna saindo para fora de um vestido preto, e caminhando não tão graciosamente quanto seria o necessário para me distrair normalmente. Isso me chocou um pouco. Batatas-da-perna não são a minha parte preferida do corpo feminino. Até recentemente elas não faziam nem parte das 10 mais. De resto, a usuária das citadas batatas não tinha nada de muito especial: era só uma moça indo para o trabalho de vestido preto. Normal. As vezes eu queria estudar um pouco de psicologia para conseguir entender essas coisas estranhas da minha cabeça... Ah! Aliás, perto de onde as Batatas estavam hoje, desde o começo da semana eu tenho visto fumaça saindo de um prédio. Só quando perguntei ao Julio se ele tinha ido ao supermercado hoje, é que me toquei de que o prédio em questão era o supermercado, que está queimando e desabando desde segunda-feira! Coisa maluca não? OBS: não, as fotos não são minhas, mas eu chego lá (semana que vem vou levar a máquina grande para me fazer companhia no trabalho)

Chuva na Paulista, ou Carta ao Leo

09 02 2007
Caro Vizinho, Ontem me toquei do significado (ou, sendo mais modesto, de um significado) do título do seu blog. Como comentei aqui, estou trabalhando na Av. Paulista, de terno, gravata e tudo mais, e ontem estava chovendo. As pessoas costumam ficar melancólicas, quando não mal-humoradas em dias de chuva. Talvez seja o caso com você também, mas estranhamente, eu não. Eu gosto de chuva. Ontem foi o dia para ter certeza disso. Veja bem: de terno e gravata, com uma pasta que não é de couro (portanto molha) e um guarda-chuva pequeno, tendo andado na hora do almoço até nº 500 da Augusta (1km e meio, mais ou menos) e pego uma mega-fila para fazer meu BUE (Bilhete Único de Estudante), e tendo trabalhado o dia inteiro em planilhas do Excel com mais de 25.000 linhas. Era de se esperar que uma chuva, na hora de sair do trabalho desanimasse, certo? Pois bem, não. Estava só garoando na Paulista quando saí, mas me senti bem. Nem abri o guarda-chuva. Até pensei em andar até a Trianon-Masp! Então, pergunto para você, amigo tão sabido nesses assuntos centrais molhados: o que tem a Chuva na Paulista que não tem a chuva em outros lugares? Pedro (o Vizinho)

Working!

08 02 2007
Na Warner, a um certo tempo atrás existia um programa, que deve ter tido só uma ou duas temporadas que se chamava "Working!". Acho que o personagem principal era o ator do Kevin Arnold, dos Anos Incríveis, mais crescido, é claro. Mas isso não vem ao caso. O fato é que eu estou agora "Working". Pois é, meu estágio na Itautec começou na segunda-feira, e começou com o pé direito. Primeiro dia: sem acesso ao computador, portanto sem poder produzir (fiquei lendo nos momentos que estava no escritório), segui meu chefe em reuniões, almoços e até inauguração de sede de fornecedor, com direito a música ambiente com DJ, fotos tiradas e impressas (o fornecedor é de fabricante de impressoras) na hora por uma garota simpática, drinks com guarda-chuvinhas, e uma pinga, um copo e um espremedor de brinde. Valeram as 12h de "trabalho" do primeiro dia, com certeza. Segundo dia: Excel (bati meu recorde de planilha com mais linhas: 48.000). Terceiro dia: Excel, balanceado com mais conversas, porque ontem fique muito enfiado no computador. Coisa legal e coisa chata: Trabalhar na Paulista e Trabalhar na Paulista de Terno. Claro, faz um calor insuportável dentro da fantasia de gente. Mas compensa andar no meio de tanta gente diferente, e passear na minha Av. preferida. Sem contar que o prédio que eu estou é bem legal (tirando que estamos um pouco apinhados na nossa área), e bem alto também. Logo verei se consigo tirar fotos de cima dele : ) Outra coisa que pode interessar ao leitor é que agora estou montando com a Dê um blog do nosso namoro. Pretendo colocar lá posts contando coisas que fiz junto com ela, portanto essas coisas sairão um pouco do escopo do Compilação. Mas não necessariamente, pois lá a ênfase é o namoro. O blog ainda está mais com a minha cara (feioso e sem conteúdo). Quando ele estiver parecendo mais com a Denise, divulgo o endereço aqui.

Voltei!

01 02 2007
Viagem muito boa! Agora de volta ao ritmo maluco de São Paulo onde as pessoas fazem três refeições diárias. Povo estranho... Almojanta é o que há! Fotos serão colocadas aqui em breve, junto com um anúncio de um novo projeto, que por enquanto é secreto. Até lá, acho que permanecerei um pouco lacônico.


Page delivered in 0.250455 seconds, 89 files included