Pendências

13 02 2006

Em inglês, se chamam loose ends. Apesar da imagem clara que a expressão em inglês dá, e do impacto maior que ela gera, eu ainda prefiro pendências. Um pêndulo, uma massa que está te puxando para baixo e balançando, como uma bola de ferro amarrada no seu pé, te levando para o lugar escuro. Lista das minhas pendências, a serem resolvidas:
  1. Karina - fazer as pazes. Agora.
  2. Trabalho da Signus - posso fazer melhor e acabar de uma vez.
  3. Conversa com o Doug sobre salário da Imaginarie - o Doug é um dos meus melhores amigos e meu sócio, estou sendo errado até com ele por não ir conversar sobre algo que está me incomodando desse jeito.
  4. Trabalho da Unifesp - Apesar de não estar sendo pressionado, é um trabalho importante para outras pessoas e está nas minhas mãos fazê-lo direito.
  5. Página da ISA - puta que o pariu, só não está pronta ainda por incompetência minha. E logo vai fazer falta.

Tomando chuva na Paulista...

11 02 2006
[diario]

Parodeando o Vizinho, que está devidamente citado na barra lateral, vou marcar, neste horário inóspito a qualquer interação homem-máquina, a saída com Leo (supracitado Vizinho) e o Giuliano, também colega e amigo de primeiro ano de facul.

A saída foi muito boa, e acalmou meu anseio de conversas que vinha crescendo de tempos pra cá. Nada como sair com os amigos, falar besteiras e coisas sérias, ouvir causos e regar tudo com muita cerveja.


Every Single Time...

10 02 2006
Every time you masturbate, God kills a kitten

Segundo a Wikipedia, esse é um dos famosos Internet Memes, ou ondas que rondam a Internet e passam na mão de um monte de gente, como o YTMND, sobre o qual eu divaguei a um tempo atrás.

Aparentemente começou com esta imagem aqui:

Fonte: Domo-kun / Domokun FAQ

Eu já tinha ouvido falar desse "meme", mas não tinha visto as figuras, então resolvi procurar. A princípio, meu coração amoleceu pelos gatinhos, pois achei a página The Daily Kitten, um blog de gatinhos:

Gatinhos diários

Mas em seguida, encontrei dados mais científicos sobre o assunto no blog The Good Reverend, o que me deixou mais tranquilo sobre a vida de gatinhos indefesos. Ele alega, com base em dados estatísticos, que nos Estados Unidos somente, existe uma relação de 5401.5 sessões de masturbação para cada morte de gatinho. Isto significa que, considerando uma espectativa de vida de 75 anos, um americano médio será responsável pela morte de 2 ou 3 gatinhos na sua vida inteira.

Um pouco mais fundo na pesquisa, encontrei um site cômico chamado kittenkiller.org. Não vou estragar a surpresa, entrem pra ver.

Na verdade, o Internet Meme que tem esse nome não é aquela imagem do começo, são essas imagens aqui, enviadas por email para milhões de pessoas:

Fonte: cliche kitty


Porque é bom ser homem?

08 02 2006
[piada]

Não costumo postar aqui as piadas que recebo por e-mail, mas deu vontade hoje e essa é realmente boa: Uma lista bem correta de porque é bom ser homem:

  1. Uma viagem de cinco dias requer apenas uma mochila.
  2. Conversas telefônicas acabam em 30 segundos ou menos.
  3. Nada de filas para o banheiro.
  4. Você consegue abrir as tampas dos potes.
  5. Ao passear pelos canais da TV, você não tem que parar quando vê alguém chorando.
  6. Todos seus orgasmos são verdadeiros.
  7. Você não tem que carregar uma bolsa cheia de tralha pra cima e pra baixo.
  8. Você pode ir ao banheiro sem um grupo de apoio.
  9. Se seu trabalho é criticado, você não fica achando que todo mundo lhe odeia.
  10. Você economiza tempo e dinheiro lavando a roupa de 3 em 3 semanas.
  11. Fazer sexo não deixa você preocupado com sua reputação.
  12. Se alguém esquece de convidar você para alguma coisa, é apenas um esquecimento, e não evidência de que odeiam você.
  13. Você não tem que fazer a barba abaixo do pescoço.
  14. Nenhum dos seus colegas de trabalho tem o poder de fazer você chorar.
  15. Se você tem 34 anos e é solteiro, ninguém liga.
  16. Chocolate é um alimento como qualquer outro.
  17. Flores resolvem tudo.
  18. Você não tem que se preocupar em "ferir os sentimentos" dos outros a cada telefonema pronunciado.
  19. Você consegue estacionar em vagas que têm menos de 2.5 vezes o comprimento do seu carro.
  20. Ana Maria Braga inexiste no seu universo.
  21. A revista "Caras" inexiste no seu universo.
  22. Você não tem compulsão de arrumar sua casa inteira em 15 segundos quando alguém toca a campainha.
  23. Os mecânicos lhe dizem a verdade.
  24. Você está cagando e andando se alguém percebe ou não que você cortou o cabelo.
  25. Se você está assistindo a um jogo com um amigo seu e ele está no mais absoluto silêncio por 45 minutos, é porque o jogo está bom, e não porque ele stá de mal com você.
  26. O mundo é seu mictório.
  27. Você não depende do seu cônjuge para programar videocassete.
  28. Cera quente e suas partes íntimas estão sempre a uma distância respeitável.
  29. Cabelos brancos e rugas somam charme.
  30. Ninguém fica olhando para seu peito enquanto conversa.
  31. Você tem um relacionamento absolutamente normal com sua mãe.
  32. Você pode comprar camisinhas sem que o balconista faça aquela cara de "visão de raios-X".
  33. Se você diz que vai ligar para um amigo e não liga, ele não fica choramingando e os outros não formam um comitê para solucionar o problema.
  34. Você não tem medo da velhice.
  35. Você não tem que dispensar uma oportunidade de fazer sexo.
  36. Filmes pornô são projetados especificamente para SUA mente.
  37. Você não tem que se lembrar dos aniversários de casamento e nascimento de todo mundo.
  38. Ter antipatia por ela não o impede de fazer sexo com ela.
  39. Quando se encontra com os amigos, você sabe que não vai enfrentar a frase "Então, está notando algo diferente em mim?".
  40. Seus amigos não o obrigam a falar sem ter sobre o que falar.
  41. A continuidade do Universo não depende da roupa de cama ser trocada todo dia.
  42. Ter barriga não o impede de usar camiseta.
  43. Você se diverte com listas politicamente incorretas na Internet que deixam elas espumando de raiva.
  44. Quando elas fazem uma lista esculhambando os homens, você também se diverte.

Ignorem o último post

08 02 2006

É só baboseira... mas até que teve sua utilidade: primeiro, a idéia de sumir um pouco não é nada mal, principalmente agora que descobri que tenho férias semana que vem também. Acho que um pouco dos ares e clima mais ameno do sítio não me fariam nem um pouco de mal.

E outra coisa muito bem pensada: LDAP é um serviço bem chatinho de se instalar, mas quando funciona, para uma empresa, é muuito bom. Preciso cavar um pouco mais no assunto e formatar um produto pra vender :-)

Bom saber que minha vontade de ganhar dinheiro também não sumiu...


Análise pública

08 02 2006
[diario]

Esta semana está tranquila... estou acabando o serviço no estágio, a programação do sistema da Signus está andando e boas idéias estão fluindo, a Imaginarie está com o caixa um pouco baixo, mas isso deve se reverter ainda hoje, se tudo der certo... Que mais... tenho que dedicar um pouco de tempo à Iniciação Científica esta semana ainda. Preciso acabar a página de cadastro, deixar ela funcionando direitinho, e em seguida começar a implementar a nova página de testes. A primeira coisa é meio tediosa, mas a segunda é interessante, porque vou desenvolver um algoritmo novo para a seleção das figuras que serão apresentadas aos usuários. Preciso pensar também num modo de testar se o algoritmo está funcionando...

Do lado do namoro, as coisas não estão tão boas assim... ontém não falei com a Ka, e é difícil isso acontecer, mas eu não estava afim de fazer nada, estive ocupado o dia inteiro e quando cheguei em casa meus pais queriam ver coisas para a viagem, e depois ficou tarde, e o celular dela não estava ligado. Daqui a pouco vou ligar pra ela... deixa dar umas 11h pra eu não acordá-la.

Que coisa... sempre nessa época do ano eu fico assim... sem vontade de fazer as coisas, sem ânimo, sem sono a noite... por que raios? antes eu considerava que era muito tempo de férias, que eu estava de saco cheio de não fazer nada, mas esse ano trabalhei as férias inteiras, tanto fazendo coisas tediosas quanto coisas interessantes. Também não é cansaço, porque se fosse, eu estava tendo mais sono a noite, ou algum cansaço físico, e não esse leve torpor que eu ando sentindo... como se todos meus músculos estivessem constantemente se preparando para um bocejo.

É ridículo... eu fico prestando atenção nas estórias dos outros, achando-as empolgantes, e pensando como seria "legal" se eu estivesse com problemas desse tipo, mas se vc for pensar, eu tenho um monte de problemas pra resolver... alguns são chatos, mas mesmo os que não são eu não estou resolvendo. Eu devo estar um saco de se aguentar, e não ando cumprindo com minhas obrigações, principalmente no que diz respeito a prazos... pelo menos a qualidade do meu trabalho não tem diminuido, mas isso a custa de muito esforço, porque minha vontade é mandar tudo a merda...

Não estou em estado de Foda-Se... pelo menos não conscientemente... mas estou com uma vontade incrível de sumir uma semana de tudo e de todos... Bom, acho que não fugir da Ka... apesar de tudo ela é a pessoa que me faz sentir melhor...

O estranho é que a coisa que tem sido mais fácil para eu fazer é estudar... no fim da semana passada fui atrás de uma coisa chamda LDAP, que é um sistema que eu pretendo usar pra guardar nomes de contatos e enderços e disponibilizá-los para o pessoal da Imaginarie, bem parecido com o que nós temos no e-mail da Poli... até que li e aprendi bastante... ta certo que agora encheu um pouco o saco, principalmente porque a necessidade desse sistema é minúscula, mas isso foi umas das poucas coisas que eu não fiz me arrastando nesses últimos dias...

Acho que o negócio é continuar me colocando em situações nas quais eu sou obrigado e fazer as coisas... assim pelo menos não me atraso mais ainda no trabalho... mas que é uma merda é... é meio irônico, eu, que sou uma pessoa que tenta não odiar nada, acabo odiando uma sensação/atitude que vem de mim mesmo...


Notas aleatórias

06 02 2006

Ando muito improdutivo... eu deveria estar trabalhando agora...


Hoje fiquei um tempão tentando instalar o Internet Explorer 7.0 pra escrever um review aqui no Compilação, mas não consegui por que meu Windows é... digamos... "alternativo". Que droga, mais um motivo pra continuar usando o Linux e o Firefox...


Semana passada meus sócios e eu nos aventuramos no ramo dos famigerados advogados: recebemos noss contrato social e fizemos algumas mudanças nele... É interessante ficar debatendo a forma que suas quotas sociais vão ser distribuidas no advento da sua morte prematura.


Por causa da nota nº 1 acima, resolvi que não vou trabalhar no meu quarto, e sim aqui no escritório. Peguei o monitor de 19'' emprestado do meu tio (ele comprou um LCD e estava com este sobrando) e agora estou usando ele com resolução de 1600x1200! Eu tenho literalmente que mover minha cabeça pra ver as horas no relógio do Windows. Mas é divertido porque cabe tudo na tela : )


Nota-se, pela quantidade de notas aleatórias que eu ainda estou com o problema da nota nº 1 acima...


Pra finalizar (prometo) uma citação do site de um muito bom editor de PHP, HTML, javascript, etc., o tsWebEditor:

If you give someone a program, you will frustrate them for a day but if you teach them how to program, you will frustrate them for a lifetime." (Programmer's curse)


26 01 2006
Uma coisa que me incomodava na versão 1.5 do Firefox: quando você escreve alguma coisa na barra de endereços, por exemplo firefox e aperta Ctrl+Enter, antigamente o browser completava o endereço pra você com www.firefox.com. Mas agora, desde a versão 1.5, estou foi traduzido, e o browser completa para www.firefox.com.br. Isso tem me incomodado um pouco, então fui atrás e descobri a "página" de configuração do Firefox.Digitando "about:config" na barra de endereços aparece na tela uma lista de configurações que se pode editar. Para mudar de volta aquela funcionalidade de completar com ".com", você deve alterar o valor da propriedade browser.fixup.alternate.suffix para ".com", ou qualquer outro final que você queira que seja adicionado quando você tecla Ctrl+Enter. Se estiver chato de achar a propriedade no meio de tantas, use o campo Localisar Nome para encontrar a propriedade. Falando nisso, o Internet Explorer também tem essa funcionalidade com o Ctrl+Enter, e o Firefox tem ainda outras: Shift+Enter adiciona um www. e um .net e Ctrl+Shift+Enter muda o endereço para .org.

I Did It (do you think i've gone to far?)

23 01 2006
[linux]

Parodeando a música da Dave Matthews Band, venho anunciar que consegui desfazer a última coisa que eu achava que ia me manter preso ao Windows. O grande problema que eu tinha era que eu faço páginas da internet como trabalho, e acontece que quase 90% dos acessos a sites são feitos usando o Internet Explorer. Existem várias diferenças na exibição de páginas do Explorer e do Firefox, que é o segundo browser mais usado do mercado, e por isso sempre que você cria uma página você precisa verificar se ela está funcionando nos dois browsers. Obviamente, então fica difícil usar Linux e fazer páginas da Internet ao mesmo tempo.

Mas isso era um problema porque finalmente consegui instalar o Internet Explorer no Linux! Claro, alguns vão dizer:"e daí?". Parte dessas pessoas vai dizer isso porque não sabe que a Microsoft não disponibiliza o Internet Explorer para o Linux, que é o maior concorrente do Windows hoje em dia. A outra parte vai dizer isso porque já viu isso sendo feito e acha isso uma coisa simples. Essas pessoas vão me dar um troféu joinha:

Troféu Joinha

Mas tudo bem, porque a maioria dos meus leitores, eu acho, estão agora pensando: "mas como?!" (ta, talvez não com o ponto de exclamação). Bom, o segredo é um programa que se chama Wine (Wine Is Not an Emulator) e que "engana" os programas de Windows para eles pensarem que estão no lugar deles, e rodarem no Linux.

Ontem eu consegui também rodar o Dreamweaver usando o Wine, então estou definitivamente munido das ferramentas pra continuar trabalhando só com Linux. A pena é que para que tudo isso funcione, é necessário se ter uma instalação do Windows em algum lugar, porque esses programas usam arquivos Windows... Bom, não se pode ter tudo, eu acho...


Novo Logo!

23 01 2006
[meta]

Finalmente aquela poltrona, como disse minha mãe, saiu do Compilação. O novo logo está no ar!

Ele foi feito no POV-Ray, que é um programa que renderiza imagens 3D a partir de arquivos de texto escritos na linguagem dele (chamada SDL). O arquivo está disponível aqui, caso alguém tenha a curiosidade, e é bem simples: um fundo, uma fonte de luz, uma câmera pra tirar a "foto" e 16 bloquinhos, transladados e rotacionados para parecerem que estão montando um bloco maior, todos coloridos com o mesmo pigmento simples. Como eu não consegui acertar a cor de fundo, ainda passei ele pelo GIMP, um programa de manipulação de imagens de código livre, e pintei o fundo pra ficar igual ao do site.

Créditos:

A idéia é parecida com a original da poltrona, mas quem teve a idéia de tornar 3D foi meu pai. Minha mãe também participou ativamente da criação do logo vindo olhar e dizendo: "é ficou melhor sim".

Fica aqui a dica para ver outros trabalhos bem mais complexos, realistas e bonitos feitos no POV:

Imagem vencedora do IRTC de Março-Abril de 2000
Update:

Me empolguei e acabei fazendo também os marcadores do painel lateral, tirando aquele # que estava meio feio.



Page delivered in 0.292829 seconds, 89 files included