GED

06 07 2007

Gerênciamento Eletrônico de Documentos. Está na moda, preserva o meio-ambiente, agiliza os processos e implantaram na USP.

Não sei quanto tempo faz, mas pelo sistema Jupiter, o mesmo que usamos na graduação para fazer matrícula, já podemos emitir documentos que antes tínhamos que ir pegar na Seção de Alunos.

Como funciona? Você entra na página do Jupiter, loga e entra no link Emissão de Documentos. Lá existe a lista dos documentos disponíveis, que hoje são: Atestado de Aluno, Atestado de Aluno Trancado (nome engraçado), Atestado de Matrícula e Atestado de Matrícula com disciplinas.

Entrando no link você vê um pdf com o documento. E como eles garantem a autenticidade? Afinal, qualquer um pode gerar um documento desses. Bom, no próprio documento, existe um código. Entrando este código numa página do sistema, você verifica se o documento está cadastrado. O código é longo e parece aleatório, então as chances de fraude não são grandes.

Uma praticidade a mais para o aluno e menos trabalho para os nossos queridos funcionários, que poderão se dedicar a atividades mais importantes (colocar aqui foto do servidor público jogando Paciência)... alunos e vegetais lenhosos agradecem.


Eficiência do Serviço Público

01 06 2007

Só para dar um exemplo de porque eu não tenho a mínima vontade de lutar por aumento de salários dos funcionários públicos da USP:

Mensagem original:

De: Pedro Felipe Angelini
Enviada em: sexta-feira, 1 de junho de 2007 09:40
Para: Serviço de Pós-Graduação da EPUSP
Assunto: Matérias de pós como optativas de graduação

Bom dia,

Fui informado no serviço de graduação que é possível cursar matérias de Pós como optativas na minha graduação, e que para isso deveria solicitar com vocês a matrícula.

Eu gostaria de saber como faço isso, e mais importante, quais são as datas para fazê-lo para o segundo semetre.

Obrigado,

--
Pedro F. Angelini

Resposta do Serviço de Pós Graduação:

Consultar: www.poli.usp.br

Nem sequer tem assinatura da pessoa (não que eu não saiba quem é, está no "De" da mensagem). Pense comigo: você é o chefe de uma pessoa assim. Ela entra no seu escritório e diz: "Quero um aumento ou senão eu vou para a minha casa e não venho trabalhar nos próximos dias". O que você faz?



Page delivered in 0.216865 seconds, 89 files included